Pular para o conteúdo principal da pagina
pessoas reunidas em volta de estrutura com faísca em siderúrgica

Mercado

Setorial Siderurgia e Mineração | Fevereiro 2024

Após se destacar no mês anterior, o setor apresentou um movimento de correção em janeiro diante do aumento das preocupações com o nível de demanda de minério de ferro, especialmente na China, bem como com o avanço das importações de aço no Brasil, que seguem aumentando a competição com o aço nacional.

Publicado por: Análise BB

conteúdo de tipo Leitura4 minutos

Atualizado em

24/05/2024 às 16:58


Performance das empresas cobertas

tabela descritiva de informações em ciano

Mineração

Na China, o PIB teve crescimento de 5,2% em 2023 e a produção industrial de dezembro avançou 6,8% a/a, mas os dados da indústria siderúrgica mostraram forte retração no último mês do ano.

Preços de minério de ferro tiveram ligeira correção ao longo do mês de janeiro, mesmo após o anúncio de estímulos monetários pelo governo, como a redução da taxa de depósitos compulsórios pelos bancos. Exportações brasileiras da commodity tiveram incremento na comparação anual e preços médios continuaram avançando.

gráficos comparativos em azul, ciano, vermelho e cinza

Siderurgia

Após a forte valorização observada nos meses anteriores, os preços internacionais de aço voltaram a arrefecer, principalmente nos EUA. No Brasil, os dados de preços ao produtor e confiança do empresário indicam ligeira melhora no ambiente de negócios para a siderurgia local, mas a indústria ainda segue enfraquecida.

No Brasil, em dezembro, a baixa sazonalidade foi observada de forma mais significativa na categoria de laminados longos, mas ainda assim houve ligeiro crescimento de produção e vendas internas na comparação anual. As importações voltaram a avançar e representaram a recorde mensal de participação no consumo brasileiro de aço.

gráfico comparativo produção e consumo de aço no paí
Disclaimer

Este é um relatório público e foi produzido pelo BB-Banco de Investimento S.A. (“BB-BI”). As informações e opiniões aqui contidas foram consolidadas ou elaboradas com base em informações obtidas de fontes fidedignas e de boa-fé, tendo sido tomadas medidas razoáveis para assegurar sua exatidão no momento de publicação. Contudo, o BB-BI não garante que tais dados sejam totalmente isentos de distorções e não se compromete com a veracidade dessas informações. Todas as opiniões, estimativas e projeções contidas neste documento referem-se à data presente e derivam do julgamento de nossos analistas de valores mobiliários (“analistas’), podendo ser alteradas a qualquer momento sem aviso prévio. O BB-BI não garante o lucro e não se responsabiliza por decisões de investimentos que venham a ser tomadas com base nas informações divulgadas nesse material, que tem por finalidade apenas informar e servir como instrumento que auxilie a tomada de decisão de investimento, não devendo ser interpretado como material promocional, recomendação, oferta ou solicitação de oferta para comprar ou vender quaisquer títulos e valores mobiliários ou outros instrumentos financeiros. Investimentos nos mercados financeiros e de capitais estão sujeitos a riscos de perda superior ao capital investido. A rentabilidade passada não é garantia de rentabilidade futura. Nos termos do art. 22 da Resolução CVM 20/2021, o BB-BI, em conjunto com o Conglomerado Banco do Brasil S.A. (“Grupo”), declaram que (i) podem ser remunerados por serviços prestados ou possuir relações comerciais com a(s) empresa(s) analisada(s) neste relatório ou com pessoa natural ou jurídica, fundo ou universalidade de direitos, que atue representando o mesmo interesse dessa(s) empresa(s); (ii) podem possuir participação acionária direta ou indireta, igual ou superior a 1% do capital social da(s) empresa(s) analisada(s), e poderão adquirir, alienar ou intermediar valores mobiliários da(s) empresa(s) no mercado.

Quer dar uma nota para este conteúdo?

Utilizamos cookies para oferecer uma melhor experiência e personalizar os conteúdos de acordo com a nossa

Política de Privacidade.