folha verde com gotículas de água

Sustentabilidade

Eletrobras e Suzano se unirão para produção de hidrogênio verde e combustíveis sintéticos

Publicado por: Broadcast Notícias

conteúdo de tipo Leitura3 minutos

Atualizado em

28/06/2024 às 09:43

A Eletrobras, maior empresa de energia elétrica da América Latina, e a Suzano, maior produtora mundial de celulose, firmaram parceria para o desenvolvimento de soluções sustentáveis a partir do aproveitamento de CO2 biogênico gerado em Unidade de Produção da Suzano, informou a Eletrobras.

O acordo em torno do uso de matérias-primas renováveis prevê a evolução de estudos conjuntos para a produção de hidrogênio renovável e combustíveis sintéticos, visando, por exemplo, a substituição de combustíveis fósseis em diversos modais logísticos.

"Esse acordo estabelece a base para o desenvolvimento de uma cooperação estratégica, com ênfase na produção de combustíveis sustentáveis, e visa atender à crescente demanda por hidrogênio de baixo carbono e derivados no mercado nacional e internacional", disse em nota o vice-presidente de Comercialização e Soluções em Energia da Eletrobras, Ítalo Freitas.

As discussões entre Eletrobras e Suzano para a assinatura do memorando de entendimento tiveram início no segundo semestre de 2023. A evolução das pesquisas estabelecerá a viabilidade técnica e econômica para a construção de uma unidade de produção de combustíveis sintéticos, informaram as empresas.

"Pretendemos avançar nos estudos em parceria com a Eletrobras para reforçar o diferencial competitivo do Brasil na bioeconomia mundial. A produção de e-metanol, um combustível proveniente de insumos renováveis como o CO2 biogênico e hidrogênio de baixo carbono, é um dos candidatos mais prováveis para substituir combustíveis fósseis na indústria marítima", afirmou o diretor de Energia da Suzano, Paulo Squariz.

Quer dar uma nota para este conteúdo?

Utilizamos cookies para oferecer uma melhor experiência e personalizar os conteúdos de acordo com a nossa

Política de Privacidade.