Pular para o conteúdo principal da pagina
prédio executivo vista para céu

Onde investir

Carteira de Fundos Imobiliários para Janeiro 2024

Os melhores fundos imobiliários para investir em janeiro, segundo os especialistas do BB

Publicado por: Análise BB

conteúdo de tipo Leitura20 minutos

Atualizado em

02/01/2024 às 14:44


IFIX fecha na máxima histórica.

Seguindo a trajetória observada em novembro, o IFIX fechou o mês de dezembro com variação de +4,25%, fechando na sua máxima histórica em 3.311 pts. Esse movimento é reflexo do desenrolar da reforma tributária aqui no Brasil e, principalmente, dos ventos vindos do exterior, que indicam um desafio quanto à dinâmica de crescimento e, por consequência, um contexto benéfico para a trajetória dos juros globais.

Em dezembro, nossas duas carteiras de FIIs acabaram encerrando o mês com desempenho superior a do IFIX. A Carteira Renda foi na mesma direção do índice de mercado, fechando o mês com uma valorização de 4,4%. Nos últimos 12 meses, o retorno da carteira segue em linha com IFIX acumulando uma alta 15%, contra 15,5% do índice. Esse movimento positivo pode ser explicado pela boa performance dos fundo RZTR11 e XPSF11, que variaram 7,7% e 6,5%, respectivamente. A Carteira Ganho apresentou alta ainda mais acentuada de 5,23%, ou seja, quase 1 p.p. acima do retorno do IFIX. Aqui vale destacar que, desde seu início da carteira, em novembro de 2021, ela já acumula uma valorização de 48,1%, contra 28,4% do IFIX no mesmo período.

Para o mês de janeiro, estamos promovendo um ajuste pontual na carteira ganho, mas buscando manter as recomendações alinhadas às respectivas estratégias. Na Carteira FII Renda, seguimos com os mesmos papéis indicados em dezembro, que alinham boa relação risco x retorno e manutenção de bons dividendos. Já na Carteira FII Ganho, optamos por retirar o BRCO11 pois, embora possua bons imóveis com localização próxima de grandes centros urbanos, está negociando acima do seu preço patrimonial e apresentou alguns pedidos de rescisão antecipada nos últimos meses. Em seu lugar, seguindo estratégia já adotada com o RBRF11, optamos pelo BPFF11, o Brasil Plural Fundo de Fundos, que está descontado na relação P/VP, possui carteira diversificada entre ativos de papel e tijolo e possui boas perspectivas de surfar cenário de cortes de juros à frente.

Segue abaixo a recomendação completa das duas carteiras, considerando-se um peso de 12,5% para cada papel.

Carteira FII Renda: KFOF11, XPSF11, HGCR11, PLCR11, RECR11, VGIP11, MFII11, TGAR11.
Carteira FII Ganho: RZTR11, PVBI11, RBRF11, BPFF11, RBRL11, RZAT11, HGBS11, VISC11.

Disclaimer

Este é um relatório público e foi produzido pelo BB-Banco de Investimento S.A. (“BB-BI”). As informações e opiniões aqui contidas foram consolidadas ou elaboradas com base em informações obtidas de fontes, em princípio, fidedignas e de boa-fé. Embora tenham sido tomadas todas as medidas razoáveis para assegurar que as informações aqui contidas não sejam incertas ou equivocadas, no momento de sua publicação, o BB-BI não garante que tais dados sejam totalmente isentos de distorções e não se compromete com a veracidade dessas informações. Todas as opiniões, estimativas e projeções contidas neste documento referem-se à data presente e derivam do julgamento de nossos analistas de valores mobiliários (“analistas’), podendo ser alteradas a qualquer momento sem aviso prévio, em função de mudanças que possam afetar as projeções da empresa, não implicando necessariamente na obrigação de qualquer comunicação no sentido de atualização ou revisão com respeito a tal mudança. Quaisquer divergências de dados neste relatório podem ser resultado de diferentes formas de cálculo e/ou ajustes. O Disclaimer completo encontra-se no relatório.

Quer dar uma nota para este conteúdo?

Utilizamos cookies para oferecer uma melhor experiência e personalizar os conteúdos de acordo com a nossa

Política de Privacidade.